Android 11

Android 11: Novas atualizações mudaram a atualização de apps!

A expectativa para o lançamento do é grande Android 11, sendo que algumas amostras do sistema já foram colocadas à disposição de programadores. Contudo, até o momento a versão aparenta dificultar a instalação de aplicativos que não são da Play Store, banco de apps da Google, por APK.

APK, por sua vez, corresponde à sigla para Android Application Pack. Ele se destina ao auxílio da instalação de ferramentas que a princípio não são disponíveis para celulares que se utilizam do sistema Android. APK pode ser comparado, portanto, aos arquivos destinados à instalação de software do Windows, como “exe” ou o “msi”.

Android 11

Tenha a melhor internet com a Claro! Saiba mais aqui: https://clarocombomais.com.br!

Android 11: Alterações referentes à instalação de aplicativos não condizentes àqueles da Google Play Store

O Android em sua versão 10 e também nas anteriores, era compatível com a instalação de aplicativos que não eram originados da plataforma Play Store, pertencente à Google, desde que o usuário fizesse uso do programa APKMirror Installer, por exemplo, e outros tipos de ferramentas de instalação.

Dessa maneira, uma permissão era concedida pelo instalador, de forma que ao retornar à tela anterior era possível dar continuidade ao procedimento de instalação de ferramentas distintas.

Contudo, as prévias do Android 11 demonstram que esse caso de instalação diversas foi dificultada. O processo tem apresentado diferenças no sentido em que após a autorização de instalação dos arquivos do tipo APK ser concedida, o retorno à tela anterior não permitia a continuidade do procedimento com a ferramenta diversa.

Android 11

Isso, por sua vez, levantou diversos questionamentos. Afinal, a impossibilidade de instalação de ferramentas com o uso do APK seria um bug do sistema? Ainda, seria possível creditar os problemas à versão prévia, de forma que a versão final se apresentaria, em relação ao APK, da mesma forma que as demais versões do Android até então disponibilizadas?

Ao serem questionados quanto a isso, os desenvolvedores do sistema operacional do novo Android explicaram que a limitação para utilização do APK e de aplicativos não condizentes à Play Store seria uma consequência do Scoped Storage.

O Scoped, por outro lado, corresponde a um novo conjunto de regras de segurança do sistema. Nesse viés, os aplicativos teriam que servir tais normas para serem acessados e armazenados nos aparelhos smartphone com o sistema operacional do Google.

Dessa maneira, o papel do Scoped Storage dentro do novo formato do sistema Android é identificar quais são os aplicativos que foram iniciados sem a devida permissão de armazenamento.

Conforme a empresa responsável pelo desenvolvimento do Android 11, Google, manifestou-se, ainda, no sentido de que está avaliando a situação do novo sistema operacional. Dessa maneira, ainda não é possível prever se essa limitação será mantida ou resolvida pela organização.

Essa limitação da versão prévia do novo Android, aliás, gerou o temor dos consumidores que fosse devida à intenção da empresa em apresentar óbices para a instalação de aplicativos que não estão abarcados pela Google Play Store.

Por outro lado, a inovação que se traduz na limitação de poder de instalação de ferramentas promete trazer mais segurança para o usuário do novo Android. Contudo, aqueles que costumam fazer uso de aplicativos diversos aos oferecidos pela Google Play Store podem se sentirem violados em seus direitos de acesso com seus dispositivos.

Android 11: Alterações referentes à instalação de aplicativos não condizentes àqueles da Google Play Store

A nova versão do Android, que irá se apresentar como uma novidade perante a modalidade anterior, chamada de 10. Portanto, ela corresponde a um novo tipo de sistema operacional móvel que é desenvolvido pela empresa Google.

A primeira versão beta do novo Android foi lançada ainda em 19 de fevereiro de 2020, oferecida como um modelo de teste disponibilizada para os usuários que são desenvolvedores e que também possuem aparelhos do modelo Google Pixel.

Na última semana, aliás, houve a disponibilização de uma nova versão desse sistema operacional. Foi ele, justamente, que apresentou os problemas relacionados ao uso de APK para instalação de aplicativos que não fossem compatíveis com o Google Play Store.

Dentre as demais novidades que são oferecidas pela nova versão do Android estão as possibilidades de notificações em bolhas, como aquelas realizadas pelo Messenger do Facebook.

Também, são oferecidos novos formatos de ícones, assim como um player de música ainda no menu de opções gerais. Outras novidades, aliás, correspondem à possibilidade de controle das sugestões de aplicativos que o próprio sistema oferece.

Entretanto, uma vez que as versões disponibilizadas ainda correspondem à versões de teste do Android 11, ainda não é possível afirmar se todas as características presentes agora serão disponibilizadas na versão final. O mesmo ocorre em relação à privação de aplicativos de fora da Google Play Store por meio de APK.